Travessia de pedestres no Hauer fica mais segura com reforma em passarela

 

Ponto de referência no Hauer, perto do limite com o Boqueirão, a passarela que dá passagem segura aos pedestres que desejam cruzar a Avenida Marechal Floriano Peixoto, na altura da Praça Doutor Joaquim Menelau de Almeida Torres e da Rua Nicolau Kresco, passou por uma reforma completa e foi entregue nesta quarta-feira (22/7) pelo prefeito Rafael Greca à população. O trabalho foi coordenado pelo Departamento de Edificações da Secretaria Municipal de Obras Públicas.

Além da entrega da revitalização da passarela, o prefeito inspecionou os trabalhos de recuperação das calçadas de petit-pavé no entorno, que está sendo feito pelos mestres calceteiros Osmar França Ribeiro e Adir Francisco sob a coordenação da Secretaria Municipal do Meio Ambiente.   

“Refizemos a passarela da Vila Hauer, este monumento modernista que o então prefeito Saul Raiz ergueu em 1975. Também estamos trabalhando nas calçadas que dão acesso à passarela, feitas em petit-pavé de mármore branco e diabásio ou basalto preto. É sinal de uma Curitiba bem-cuidada, no capricho”, disse Greca. 

De acordo com o secretário municipal de Obras Públicas, Rodrigo Rodrigues, o serviço de manutenção da passarela incluiu pintura geral da estrutura em concreto e a substituição do guarda corpo metálico.

“A estrutura de 144 metros hoje oferece mais segurança e conforto aos moradores da região, com novas proteções laterais, o chamado guarda corpo, de 1,10 metro de altura”, apontou Rodrigues.

Mais luz

No mesmo Hauer, o Departamento de Iluminação da Secretaria Municipal de Obras Públicas já realizou a modernização do sistema que ilumina as ruas do bairro. Foram substituídas 950 luminárias de vapor de sódio de alta pressão por novos equipamentos com tecnologia de LED.  

Ainda está em andamento na região a troca da iluminação da Avenida Marechal Floriano Peixoto. O trabalho no trecho que parte do Centro e chega até o viaduto sobre a Linha Verde foi concluído. Agora os serviços estão entre o viaduto sobre a Linha Verde e o Parque Náutico. A avenida está ficando mais e melhor iluminada com cerca de mil luminárias de LED, incluindo as que estão sendo trocadas nos postes decorativos. 

Os investimentos fazem parte do plano de modernização da iluminação pública de Curitiba que, em 2019, substituiu 16 mil pontos por luminárias de LED. Durante este 2020, a previsão é trocar mais 44 mil pontos. A substituição alia eficiência luminotécnica e sustentabilidade, aumentando também a sensação de segurança. 

As novas luminárias de LED são mais duráveis – 50 mil horas ou seis anos -, geram uma redução de mais de 50% no consumo de energia, não contém mercúrio, não emitem calor e nem raios ultravioleta.