Lojas maçônicas vão apoiar o Mesa Solidária

Lojas maçônicas de Curitiba vão aderir ao Mesa Solidária, programa da Prefeitura e parceiros que já distribuiu 230 mil refeições gratuitas a pessoas em situação de rua desde o fim de 2019. O anuncio foi feito, nesta terça-feira (12/1), durante encontro do prefeito Rafael Greca com o novo grão-mestre do Grande Oriente do Paraná, Cristian Flores, que tomou posse no fim de 2020.

“O primeiro degrau para o resgate social é a mesa e, com o apoio das lojas maçônicas, o Mesa Solidária terá mais um importante aliado na missão de oferecer maior dignidade às pessoas em situação de rua, que podem se alimentar em espaços limpos e mais confortáveis”, afirmou o prefeito.

O Mesa Solidária é uma ação conjunta de vários órgãos do município, como Secretaria Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional (SMSAN), Fundação de Ação Social (FAS) e Secretaria Municipal de Defesa Social, que cedem espaços públicos e apoio logístico, com instituições religiosas, organizações não-governamentais (ONGs) e movimentos de apoio às pessoas em situação de rua, que adquirem, preparam e servem os alimentos.

O novo grão-mestre do Grande Oriente do Paraná contou que oito lojas maçônicas de Curitiba já realizam um trabalho de preparo e distribuição de refeições para pessoas em situação de risco social. “Agora, vamos apoiar este programa da cidade que vem proporcionando aos cidadãos em risco social refeições de qualidade de forma digna”, salientou.

Flores aproveitou o encontro para entregar um presente ao prefeito, um quadro em desenho a carvão com a figura “O homem se auto construindo”, criado pelo DeMolay Matheus Flores. “A obra é um reconhecimento do trabalho do prefeito e inspirada na Curitiba inovadora”, explicou o jovem artista, que também estava presente.

Também participaram do encontro o secretário de Administração do Grande Oriente do Paraná, Eliseu Francisco; o assessor de Relações Institucionais do Grande Oriente do Paraná, Roberto Fonseca; o presidente da URBS, Ogeny Maia Neto; e o secretário municipal de Administração e Gestão de Pessoal, Alexandre Jarschel de Oliveira.

Mesa Solidária

Atualmente, o Mesa Solidária tem a participação de 38 instituições parceiras da Prefeitura, entre entidades religiosas, ONGs e movimentos de apoio às pessoas em situação de rua e também feirantes e permissionários dos Sacolões da Família.

Diariamente, as refeições gratuitas são ofertadas nos restaurantes populares do Capanema (das 19h às 21h) e da Matriz (das 16h às 18h) e no Centro POP Plínio Tourinho, a partir das 12h e das 19h.